Urgente | Veja as enormes mordomias dos pernambucanos que ajudaram novamente a livrar a cara do Temer! Leia e compartilhe...

DA REDAÇÃO | Os deputados pernambucanos que votaram novamente a favor de Michel Temer (PMDB) e contra o STF investigar o ilegítimo presidente têm mordomias mil na Câmara dos Deputados. Além das muitas benesses, a chamada grande imprensa nacional noticiou que os parlamentares de todo o País foram agraciados ainda com cerca de R$ 28 bilhões para livrarem a cara de Temer nas duas sessões ocorridas em agosto e outubro.

Veja abaixo quanto gastaram os deputados de Pernambuco no atual mandato, além do salário de mais de R$ 33 mil por mês:

Augusto Coutinho (SD)- Gastos no atual mandato: R$ 1.284.945,93 (R$ 20.053,68 com alimentação; R$ 115.116,08 com combustíveis; R$ 216.034,59 com locação de veículos; R$ 223.084,50 com passagens aéreas; R$ 319.581,84 com escritório; R$ 255.530,36 com divulgação).

Bruno Araújo (PSDB) - Gastos no atual mandato: R$ R$ 575.701,11 (R$ 973,83 com alimentação; R$ 43.095,35 com combustíveis; R$ 62.178,33 com locação de veículos; R$ 196.056,60 com passagens aéreas; R$ 35.885,16 com escritório; R$ 119.781,20 com divulgação).

Eduardo da Fonte (PP) - Gastos no atual mandato: R$632.259,93 (R$ 63.449,91 com combustíveis; R$ 112.000,00 com locação de veículos; R$ 314.235,68 com passagens aéreas; R$ 124,10 com escritório; R$ 67.634,00 com divulgação).

Fernando Filho (PSB) - Gastos no atual mandato: R$ 588.816,59 (R$ 76.835,56 com  combustíveis; R$ 174.200,00 com locação de veículos; R$ 176.565,28; com passagens aéreas; R$ 2.429,70 com escritório; R$ 57.510,00 com divulgação).

Fernando Monteiro (PP) - Gastos no atual mandato: R$ 1.161.155,70 (R$ 479,88 com alimentação; R$ 118.901,47 com combustíveis; R$ 320.470,00 com locação de veículos; R$ 287.360,69 com passagens aéreas; R$ 86.054,49 com escritório; R$ 209.262,66 com divulgação).

Luciano Bivar (PSL) - Gastos no atual mandato: R$ 29.662,92 (R$ 502,14 com alimentação; R$ 2.763,54 com combustíveis; R$ 3.105,31 com locação de veículos; R$ 13.504,17 com passagens aéreas; R$ 1.325,06; com escritório; R$ 5.733,33 com divulgação).

Jorge Côrte Real (PTB) - Gastos no atual mandato: R$ 1.239.982,16 (R$ 12.174,25 com  alimentação; R$ 164.157,35 com combustíveis; R$ 132.122,20 com locação de veículos; R$ 176.089,39 com passagens aéreas; R$ 211.527,30 com escritório; R$ 243.340,00 com divulgação).

Marinaldo Rosendo (PSB) - Gastos no atual mandato: R$ 1.149.802,92 (R$ 31.264,17 com alimentação; R$ 39.900,90 com combustíveis; R$ 103.438,25 com locação de veículos; R$ 772.522,61 com passagens aéreas; R$ 48.476,12 com escritório; R$ 24.890,00 com divulgação).

Mendonça Filho (DEM) - Atualmente está licenciado da Câmara e goza das altíssimas mordomias como Ministro da educação. Nas duas votações em que Temer corria perigo, Mendonça se afastou do MEC apenas para ir salvar a pele do seu colega golpista na Câmara dos Deputados.

Zeca Cavalcanti (PTB) - Gastos no atual mandato: R$ 1.340.493,99 (R$ 13.557,49 com alimentação; R$ 62.642,71 com combustíveis; R$ 225.190,60 com locação de veículos; R$ 194.200,33 com passagens aéreas; R$ 66.861,84 com escritório; R$ 446.181,66 com divulgação).

Adalberto Cavalcanti (PTB) - Gastos no atual mandato: R$ 1.310.511,30 (R$ 2.130,93 com alimentação; R$ 171.569,74 com combustíveis; R$ 303.848,12 com locação de veículos; R$ 214.278,97 com passagens aéreas; R$ 151.996,50 com escritório; R$ 59.650,00 com divulgação). Cavalcanti se ausentou na última votação, mas votou a favor de Temer na primeira.

Ricardo Teobaldo (PODE) - Gastos no atual mandato: R$ 1.298.843,68 (R$ 7.336,55 com alimentação; R$ 82.239,60 com combustíveis; R$ 307.713,00 com locação de veículos; R$ 166.621,51 com passagens aéreas; R$ 105.880,36 com escritório; R$ 321.151,83 com divulgação). Teobaldo também se ausentou na última votação, mas votou a favor de Temer na primeira.

LEIA TAMBÉM: